Em A lâmina que fere Chronos, diversas temporalidades se emaranham e se sobrepõem - tempo mítico, reinterpretações da História, especulações futurísticas, ecos da memória, vibrações musicais, deslocamentos em sonhos. O presente pulsa, sem margem para a fuga, enquanto futuro e passado infinitizam o instante. A referida lâmina nada mais é do que a arte, em seu ataque à domesticação de nossas horas. E se momentos autobiográficos e percepções do autor sobre o mundo sofrem os cortes transversais da ficção é porque o fino aço, mais do que espelhar a realidade, torna-se impregnado de matéria viva.

RIO SANGRENTO

R$ 12,00Preço

    Livraria Páginas

        Rua Padre Eustáquio, 2475 - Loja 6, Vila Maria - BH/MG

                   @livrariapaginas

                (31) 97174-8773

     

    © 2020 Livraria Páginas